O poeta cansou (de colecionar)

Samarone foi um dos cinco mil e poucos que enfrentou chuva e greve de ônibus e foi ver a derrota para o ABC.

“E aí Sama, ficasse muito puto?”, eu perguntei.

“Tu acredita que não?! Tou mesmo é morgado”.

O fato é que o poeta cansou.

Ontem, marcamos para comer uma mão de vaca e resenhar sobre o jogo. Para nossa surpresa, Sama chegou com uma mochila cheia de camisas, bandeiras, faixas e outras coisas, e se desfez de praticamente todo seu acervo de lembranças corais.

To