Quem diria, heim?

 

Amigos corais, vamos e convenhamos – esse Santa Cruz está mudando ligeiro demais para ser verdade.

E aqui confesso. Eu raramente olhava o velho site coral. Me dava uma preguiça enorme ver alguma velha novidade do treino, o resultado do jogo da semana passada. Se ligasse para um amigo, apaixonado pelo Santa Cruz, ele tinha mais novidades.

Pois bem.

Minha mulher de vez em quando me flagra:

“De novo olhando o site do Santa Cruz? Não estás ficando viciado não”?

“Hamm, glub”, respondo.

Então vejamos o site de hoje:

“Parceria Santa Cruz/Esposende vai oferecer noite de fotos com craques corais”

http://www.santacruzpe.com.br/futebol-profissional/parceria-santa-cruzesposende-vai-oferecer-noite-de-fotos-com-craques-corais

Arregalo os olhos.

A notícia está também no twitter, facebook, instagram, essas coisas todas. Esequias Pierre já deve ter mandado para os milhares de torcedores mexicanos, asiátios, da Costa do Marfim, com quem ele se comunica, via satélite.

Como hoje é quinta e já trabalhei muito esta semana, vou ter que copiar um pedaço da matéria do site, adaptando só as datas:

“A Esposende encomendou um lote especial de camisas oficiais de todos os três padrões do Santa que começam a ser vendidas nesta quinta-feira (20) nas lojas dos shoppings Tacaruna, Recife e Guararapes.

Os mil primeiros torcedores corais que comprarem uma camisa oficial do Santa Cruz numa das lojas da Esposende desses três shoppings, a partir de hoje (20),  ganharão, no ato da compra, convite para uma noite de autógrafos com os craques Grafite, Tiago Cardoso, Renatinho, Anderson Aquino e Raniel.

A noite de autógrafos acontecerá na próxima terça-feira (25), das 18h às 22h, em uma das lojas da Esposende do Shopping Recife. A loja estará fechada para o público em geral. Só terão acesso ao espaço os torcedores de posse do convite.

Os primeiros mil torcedores que comprarem camisa oficial do Santa nas lojas Esposende a partir desta quinta-feira (20) também receberão um ingresso de arquibancada superior para o jogo do dia 1 de setembro do Santa Cruz contra o América/MG, no Mundão do Arruda, pela 22º rodada da Série B. 

As camisas oficiais do Santa Cruz serão vendidas por R$ 169,90 em 5 vezes no crediário Esposende e em 6 vezes nos demais cartões, sem juros”.

**

Os idiotas da objetividade poderão dizer – “Sim, mas o que isso tem a ver com o jogo de amanhã, contra o escrete do Macaé?”

Tudo, meu amigo Objetivo, tudo.

Pela primeira vez, o óbvio ululante está nascendo, feito graminha, no Arruda. Departamento de Marketing + Comunicação+ Futebol se articulam, para ações que possam projetar a imagem do clube, garantir novos negócios e melhorar toda a estrutura que possibilite à diretoria, dinheiro em caixa, para fortalecer o próprio futebol.

Alguém aguentava, por acaso, o famoso “jantar de adesão”, após vários jogos com casa cheia?

Vamos a mais uma novidade: o “Santa Cruz Sem Fronteiras”

Eu já tinha avisado aos amigos essa novidade do Marketing + Comunicação – o “Santa Cruz Sem Fronteiras”.

Copio do site, de novo:

“Visando fortalecer a relação entre o Santa Cruz e seus torcedores e com o intuito de conquistar novos sócios, no próximo domingo (23), iremos começar uma séries de eventos para interiorizar os nossos serviços, possibilitando uma experiência especial para os torcedores corais. O primeiro município escolhido para esta jornada foi Feira Nova, localizado no agreste pernambucano.

O evento será um almoço adesão e contará com a presença da diretoria coral, nas figuras do presidente e vice-presidente do Santa Cruz, Alírio Moraes e Constantino Júnior, respectivamente, e de alguns jogadores do elenco profissional do Mais Querido. Além deste momento único tanto para o Santa Cruz quanto para os tricolores, os participantes poderão conferir algumas peças do nosso museu e também adquirir produtos oficiais, em espaços que serão montados no local.

O encontro ainda terá sorteios de brindes exclusivos para os sócios-torcedores presentes no local. Para participar, é preciso ser sócio torcedor do Santa Cruz e estar em dia com a mensalidade do plano. O associado poderá optar entre pagar uma taxa de R$ 10,00 ou vir acompanhado de uma pessoa interessada em se associar ao Santa Cruz. Nesta segunda opção, a entrada sai de graça. Já para os torcedores não-sócios do clube, basta associar-se a qualquer um dos planos do Santa Cruz que a entrada no evento é automaticamente liberada”. 

SERVIÇO

Santa Cruz Sem Fronteiras – edição Feira Nova

Dia: 23/08/2015 (Domingo)

Horário: a partir das 11h

Local: Clube Municipal – Estádio Gonzagão | rua da Aurora, em Feira Nova – PE

**

Depois de ver esse projeto, liguei para Gerrá.

“Bora pra Feira Nova domingo?”

Bastou ele saber do que se tratava, que já começou a imaginar uma ação dessas em Bezerros, onde ele tem uma forte base eleitoral e onde a “Minha Cobra” já fez sua particiação, no aniversário de um famoso torcedor coral (fez 100 anos). Quando começou a fazer a previsão das cidade e chegou em Petrolina, eu toquei.

“Rapaz, a gente leva a Minha Cobra, uma orquestra de frevo, articula com a galera, vai ser uma onda”, disse. “Vamos fazer isso até no exterior”.

O bicho é meio exagerado.

Terminou a conversa e já fui na geladeira, procurar uma cerveja.

O fato é que o Santa está começando a pensar grande, dentro e fora do Arruda.

Quem diria, heim?

Author: Samarone Lima

Share This Post On

28 Comments

  1. VERDADE, TEMOS UMA GUINADA DE 360º: O MARKETING E INICIATIVAS DECORRENTES, MUDARAM O NOSSO SCFC DA ÁGUA PRO VINHO.

    Louvável a ida à Feira Nova. PRA COMEÇAR. Porém, se toda população de Feira se associasse ñ enchia um terço do Arruda! Algo em torno de 20 mil pessoas. Tomara q esse encontro sirva de “laboratório” pra outros eventos em Cidades de maior porte populacional, a exemplo de Caruaru, Garanhuns, Petrolina e outras Cidades de porte médio.

    É isso aí.

    SaudaSanta

    Post a Reply
    • Hehehe, acho que o você quis dizer uma guinada de 180 graus! Saudações corais!

      Post a Reply
      • EH, EH, EH

        Com toda certeza CORAL pois, do contrário, ñ tina feito absolutamente NADA!

        SaudaSanta

        Post a Reply
    • ehehe! 180°, né?

      Post a Reply
      • ISSO MESMO CLÓVIS

        desculpa aí, é a correria.

        SaudaSanta

        Post a Reply
  2. Gerrá, quando for a alguma cidade do exterior, eu quero ir com passagem patrocinada pelo BDS, a birita é por minha conta. hehehe

    Se o ataque do baêa fosse melhorzinho, tinha superado a “goleada” comprada que levamos deles.

    Amanhã, todos no aruda

    Ô LAPA !!!

    Post a Reply
  3. Que bom, o Santa Cruz está mudando e principalmente num ano em que ficamos fora de duas importantes e rentáveis competições, tivemos receitas para 2015 antecipadas e outras novidades. Logo nota-se que nosso clube tem jeito, só falta (faltava) administrador.

    E este comentário não é nenhuma crítica a FBC ou ALN, cada gestão teve suas dificuldades e sua importância, mas chegou a hora da mudança, chegou a hora de alçarmos voos mais altos.

    Avante Santa Cruz.

    Andar com fé eu vou a fé não costuma falhar!

    Post a Reply
  4. nao canso de elogiar essa diretoria,esta de parabens!!!o marketing ta estraordinario,tricolores que tiverem ideias de planos de associação,ideias boas ou ruins pode mandar para esse email denis@santacruzpe.com.br que ele te responde e ve se a ideia pode ser ´´comprada´´´,ah e sexta todos os caminhos levam ao arruda,o horario é ingrato mais o clube ta precisando..faça a cabeca da esposa,namorada,primo,irmao e VA AO ARRUDA!!!

    Post a Reply
    • Pelo que todo mundo sabe, Denis Victor é contratado para tomar conta do sistema de sócios do Santa Cruz, desde a época de ALN. Como disseram já aqui, ele era ligado a Traffic. Ele não tem cargo no Santa Cruz, ele é contratado.
      O diretor de marketing é Jorge Arranja.
      No dia que eu tiver uma ideia, mando direto para o setor de marketing.
      Sim, claro, amanhã todos ao Arruda.

      Post a Reply
  5. Mais uma vez, concordo em tudo no que samarone falou. A começar pelas vezes que acesso o site coral. Hj nao acesso menos que cinco vezes ao dia. Outra coisa, o santa cruz sem fronteiras é algo que times como o Inter-RS ja fez pra ampliar o quadro de socios. Nao à toa o time possui mais que 100 mil socios. Quem diria que um dia teríamos um presidente de verdade. Desde que me entendo de gente, nos meus 34 anos, so vi pereba, pedintes de esmolas.

    Post a Reply
  6. PREZADOS: SANTA CRUZ CONTRATOU UM ATACANTE!

    TRAT-SE DE DIOGO CAMPOS, TEM 24 ANOS E ESTAVA NO BOTAFOGO-SP….

    VOU PESQUISAR E QUALQUER COISA, VIXEEEEEEEEEEE, REPASSO A VCS

    Post a Reply
  7. VOLTANDO A DIEGO CAMPOS:

    Tem alguns gols dele, no YOU TUBE… jogador aparentemente, rápido, cabeceia bem, oportunista … ao menos, faz gols, que AQUINO E LUIZINHO, já perderam…..

    O SANTA CRUZ, tentou trazê-lo anteriormente, mas não obteve sucesso, e também já jogou MARCELO, no atlético-MG….

    É BRUNO MINEIRO, tua batata ta assando….

    OREMOS!!!!!!

    Post a Reply
  8. Muito massa! São novos e alvissareiros ventos que sopram do Arruda!

    Post a Reply
    • Isto sim é um verdadeiro jornalista esportivo! Meu Deus, como somos carentes desse tipo de profissional aqui! De fato, nunca, nunca, nunca o tivemos. É de constranger escutar o radicalismo esportivo local. É de uma pobreza intelectual gritante (por favor, não quero ofender ninguém). Não me refiro aqui ao evidente (avaliação subjetiva) puxa-saquismo pró-coisa. Não! O que é lamentável é a pobreza de conhecimento, erudição zero. O pior é que essa miséria intelectual absoluta sempre resvala para o reacionarismo rasteiro, obtuso. Opiniões retrógradas sobre a vida, sobre a sociedade, sobre o país. Nenhuma informação de qualidade sobre o futebol, nenhum posicionamento crítico. Outro dia, escutei uma defesa descarada do marim!!!! Um servilismo absurdo. A coisa perde quando é roubada. É o mundo contra coisa. Ninguém diz o contrário. Quando falam de outros temas, apenas vomitam o que vêm na globbbbo e em suas novelas. Incapazes de qualquer reflexão crítica. Ainda se acham engraçados, com aquelas piadinhas sem qualquer graça. A impressão que se tem é que estão numa mesa de bar. Viva, então, Juca Kfouri (que a coisa costuma odiar…).

      Post a Reply
      • leia-se “radialismo esportivo”

        Post a Reply
  9. ÔPS, PASSOU!

    IMPERDÍVEL (acima) os 20 minutos de depoimento do jornalista JUCA KFOURI na CPI da CBF.

    SaudaSanta

    Post a Reply
    • DIGO: CPI DO FUTEBOL

      Post a Reply
  10. Não há como questionar o bom desempenho do Santa Cruz sob o comando de Martelotte mas sou mais teimoso que ele, ou penso que sou: por que Bileu é titular? por que insistir com Lelê? Por que insistir Anderson Aquino jogando Grafite? São 3 peças que destoam, principalmente os 2 últimos. E por que William da Luz e Glawccyo não têm uma única oportunidade?

    Post a Reply
    • nos dois últimos jogos de Bileu, ele foi um dos melhores em campo.

      Post a Reply
  11. Muitos falam mal do nível na série B, mas o que estamos vendo nas disputas da Copa do Brasil e Sulamericana são times de série A tendo grande dificuldades contra os de série B. O Baêa deu um vareio de bola na coisa e poderia ter feito uns 3 a 4 no 1o tempo. O Paissandu perdeu de 1 x 0 pro FLU nos últimos minutos de jogo. O Ceará, laterninha, vai metendo 1 x 0 no SP completo no Morumbi.
    A verdade é que o futebol brasileiro está uma lástima..

    Post a Reply
    • Errata: FLU 2 x 1 Paissandu

      Post a Reply
    • Outro detalhe: Ceará com time reserva e SP com o titular.

      Post a Reply
  12. O Santa Cruz tem mudado mesmo, mudando dentro e especialmente fora de campo, hoje fazemos o obvio que nunca foi feito antes é para animar, para se alegrar e ter esperanças. O torcedor precisa ser parte desse processo, se associando e ajudando ainda mais para que possamos se fortalecer e crescer patrimonialmente também. Hoje precisamos dos pontos mais uma vez, em casa a vitória é fundamental.

    Estarei no Mundão, torcendo e apoiando como sempre.

    Avante Santinha!

    Post a Reply
  13. Artigo muito interessante sobre como o campeonato Alemão possui uma frequência de público nos estádios de mais de 97% enquanto em terras tupiniquins não se passa dos 40% de ocupação.

    Veja o caso da comercialização da cerveja, permitida para todos os jogos EXCETO para os clássicos( pelos riscos dos confrontos entre os torcedores da mesma cidade).

    Proibir cerveja num Santa Cruz x Coisa, por exemplo, eu até posso compreender, mas proibir cerveja num Santa Cruz x Macaé da vida é complicado de entender!

    Além de respeitarem o torcedor proibindo jogos muito tardes, como vemos, infelizmente, por aqui pra agradar interesses de tv.
    __________________

    A diferença é em como a Bundesliga se preocupa em fazer com que a ida para o estádio seja algo prazeroso. A cerveja faz parte do dia a dia alemão e não poderia ficar de fora do futebol. É possível observar tanto nas imediações como dentro do estádio copos e copos de pilsens e weiss consumidos normalmente. Os incidentes são mínimos e a tática utilizada é: a cerveja é permitida em todos os jogos, excetos aqueles considerados de alto risco. Um clássico Bayern de Munique x Munique 1860, ou Schalke x Borussia Dortmund, por exemplo. Nos outros confrontos, a cerveja é vista como parte fundamental de se aproveitar bem o jogo.

    Outra medida pensada para o torcedor é a criação de “espaços de animação”. Setores onde o torcedor pode ficar de pé, sem poltronas, para pular e apoiar sua equipe. Afinal, ficar sentado é confortável, mas muito torcedor, em qualquer lugar do mundo, só se sentirá à vontade em um estádio se estiver em pé, pulando e cantando.

    O mais famoso desses espaços fica em Dortmund com a famosa Muralha Amarela do Borussia. O estádio Olímpico de Berlim, onde joga o Hertha, possui ainda a possibilidade da implantação de dois mil lugares extras, colocando uma estrutura móvel que fecha o anel superior em grandes jogos. Seifert diz que “há muita paixão em campo. Algumas vezes parece até que somos sul-americanos”.

    Para fechar o ciclo, a Bundesliga faz questão de privilegiar o costume do torcedor ao estabelecer o horário dos jogos. Uma rodada típica tem uma partida noturna na sexta, um jogo no fim da tarde de sábado e um no fim da tarde de domingo. Todos os outros encontros são realizados às 15h30 do sábado ou do domingo. Nem o interesse da televisão ou de atender a mercados em outros continentes (Ásia e Estados Unidos) convencem a liga a abrir mão dessa estabilidade da tabela.

    Manter esse sistema exige cooperação entre os clubes. Segundo Seifert, a unidade do discurso dá força à liga no momento de fazer certas exigências benéficas para as equipes. Por exemplo, no contrato assinado com a Fox para a transmissão do torneio nos próximos cinco anos, os clubes terão os naming rights de suas arenas respeitados durante as transmissões. Nomes como Alianz Arena, Signal Iduna Park ou Volkswagen Arena serão citados normalmente durante as partidas.

    Enquanto isso, no Brasil, clubes racham no momento de negociar direitos de TV, vendem mandos de campo, alteram horários a todo momento e não têm uma política de preço de ingressos que priorize a ocupação total do estádio. Isso não explica os 7 a 1, mas diz muito sobre os 97,7 % x 40%.

    http://trivela.uol.com.br/especial/a-verdadeira-goleada-alema-esta-nas-arquibancadas/

    Post a Reply

Deixe uma resposta para Clóvis Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *