Tá lasca!

Na última sexta-feira, fui convidado para bater uma papo com uma turma que está fazendo umas entrevistas e filmagens para um documentário que falará sobre os grandes clássicos mundiais.

Por volta das 15h me mandei para o Arruda. Como fui pego meio de surpresa, esqueci de levar o manto coral e aí, me deram uma camisa da comissão técnica.

Por alguns minutos, em pé ao lado do gramado, me imaginei treinador de futebol. Por alguns instantes me vi no comando do time do Santa Cruz.

Aproveitei minha viagem e dei uns esporros em Daniel Costa: “porra, tu é doente, tás com chicungunha, lombriga, que porra é isso? Tem que dar o sangue, correr…, tem que ter raça, rapaz. Se continuar assim, vou mandar passar gelol no teu ovo, pra ver se tu corre!!!”

Dei uns gritos em Raniel: “Garoto, isso aqui não é pelada! Isso aqui é futebol profissional, caralho!”

Reclamei com Lelê, perguntei se Allan Vieira tinha engolido um cabo de vassoura, botei Vitor para treinar cruzamentos, pensei em novas contratações.

Mas ontem, assistindo ao jogo e depois os comentários do nosso treinador, vi que não tenho o menor cacoete para esta profissão.

Em primeiro lugar, para o sujeito ser técnico de futebol, ele precisa ser cego. O treinador de futebol normalmente enxerga o jogo de uma forma diferente. A torcida vê uma coisa, ele ver outra.

A arrogância é outra prerrogativa para o exercício deste cargo. Técnico de futebol nunca concorda com a opinião da torcida, muito menos com a dos jornalistas. Ele é o dono da verdade e pronto. Pode dar cachorro em trinta, mas ele não admite estar errado.

Todo tem treinador é intransigente. Ele sempre cisma que tal atleta tem que jogar do jeito tal, que fulaninho não encaixa e que sicrano não pode jogar ao lado de beltrano. A coisa é tão séria que tem uns “professores” que insistem tanto em mudar a característica de um atleta, que acabam atrapalhando a carreira futebolística do cara.

É por estas e outras que não levo o menor jeito para ser técnico de futebol.

Gostaria mesmo era de ser cartola.

Não toleraria a frouxidão de certos jogadores, nem a teimosia e cegueira do treinador.

Ontem, por exemplo, se eu fosse cartola do futebol do nosso Santa Cruz, era acabando o jogo e eu chamando todo mundo na grande.

Mas, enfim, nem sou treinador, muito menos cartola.

Então, como diria o mais apaixonado, vamos apoiar, né?!

Quarta-feira tem Copa do Nordeste. Vamos enfrentar um tal de Juazereinse. Um time que foi fundado em 2006 e que tem Tigre no gol, Deca na lateral  e Ebinho no ataque. É jogo pra se impor e golear sem piedade.

Só espero que a massa coral não farrape. Afinal de contas, por causa da televisão, o jogo é num horário bem legal para a torcida ir ao estádio.

A partida começa às 21h45.

Author: Gerrá da Zabumba

Share This Post On

60 Comments

  1. No começo o popoti tava perdido. Não conseguiu armar nada. Depois tudo desandou. E Renatinho fez alguma coisa nesse jogo?

    Post a Reply
  2. Achei a transmissão da globo uma lástima. Nem falar os jogadores no banco de reservas eles falaram, se não me engano. Depois nada falaram sobre o que tinha ocorrido com o Dedé e Welington César, se era substituição técnica ou contusão.
    Mas falando o que interessa, não sei se foi percebido, mas o Santa será o único time a ter jogado os dois primeiros clássicos fora de casa e a Coisa o único a jogar os dois em casa, algo que NUNCA tinha assistido nos Pernambucanos. Tenho a absoluta certeza que foi a PRIMEIRA VEZ que isso ocorreu e é claro que dificultou o nosso início de campeonato. Por isso, não fiquei minimamente abalado nem preocupado com o jogo de ontem, até porque, o futebol é assim mesmo, feito de vitórias e derrotas, de bons e maus momentos. Logo após a subida do Santa o ano passado, eu prometi pra mim mesmo que iria apenas curtir e degustar o ano de 2016, não ía me estressar, pois imagino que estamos no lucro. A única coisa que espero deste ano é uma melhoria substancial na estrutura, o fortalecimento da geração de receitas e a manutenção na série A, mas isso só penso no 2o semestre. Agora estou apenas me divertindo….Por isso, recomendo: relaxem torcida coral! O melhor ainda estará por vir!

    Post a Reply
    • Júlio, penso igual.
      Estou relaxado e curtindo o desespero aqui no blog.

      Post a Reply
    • Sobre as mudanças, o próprio Martelotte falou que a entrada de Renatinho diminuia o poder defensivo mas melhoraria a qualidade do passe.
      Eu disse para mim mesmo: Tamus fudidus! Renatinho só serve pra ser duende de jardim e animar festa de criança. Em qualidade de passe, lembra Memo que errava até o passe no ônibus.

      Fernando Arruda (sobrenome nobre!): também me lembrei de Vica em 2014 quando botou a bunda na parde até levarmos um gol aos 41 mim do segundo tempo. Não admiro covardia!

      Perdemos um jogo que era pra ter matado a cachorra de peruca no primeiro tempo. Levaram o gol e ficaram perdidos mas Martelotte incorporou o espírito de Vica.

      Os mais velhos devem se lembrar do nosso têcnico de 1972, o genial Evaristo Macedo. Esse sim, sabia “ler” o jogo, e ganhava as partidas com mudanças táticas ao lomgo da partida. Naquele, o Santa Cruz foi tetra-campeão com “Evaristo Mais Cedo”. Não teve nem vice-campeão.

      Post a Reply
  3. Primeiro comentário é meu.

    Gerrá, estou exatamente pensando em desistir de ir ao Arruda pelo horário. Compraria o ingresso pela net mas não iria a campo.

    Ninguém tem peito para encarar a p.o.r.r.a da bôbo. Por isso que o Esporte Interativo mais do que nunca deve ser nossa realidade.

    Durante a semana, os jogos precisam começar entre 20h e 21h, pode ser 20h, 20:01h, 20:02h… mas até 21h.

    Mais cedo que isso tmb não dá pra chegar a tempo. Pra mim o ideal: 20:15h ou 20:30h.

    Ansioso pra ver o Santa fechar com o EI.

    Saudações Corais.

    Post a Reply
  4. kkkkk, foi o terceiro comentário.

    Saudações Corais.

    Post a Reply
  5. PREZADOS – BOA TARDE

    A partida de quarta, vai ser transmitida pelo tv bobo, vai ser a da coisa?

    Post a Reply
  6. rapaz, não é só treinador não. cada torcedor ver de um jeito. alan vieira é um dos melhores do elenco. pra mim, cruzar mal é o menor dos defeitos de vitor, não que ele saiba cruzar, mas porque consegue ser ainda pior nos outros fundamentos. errou tres passes que poderiam ter resultado em gol e praticamente abriu no gol do sport. ele e renatinho foram a cara do Santa no clássico: cagaço psicológico. martelote já fez isso outras vezes, quando ta com medo contamina o grupo como o mosquito dos inferno. lembra daquela primeira passagem dele? encostou a bunda contra o fortaleza no arruda pela copa do ne e levou o gol no final.
    deficiência técnica tem de sobra, mas o time do boi também tem(apanhou do américa), o que lascou a gente ontem foi falta de culhão. futebol é qualidade dos jogadores(estamos quites com o boi) e a outra metade é culhão. o treinador foi frouxo e o time tb. Bando de frouxo!

    Post a Reply
  7. quem quiser que pense que é simples resolver esta questão da televisão. os clubes vivem de mãos atadas, são refens da Globo, pois as contas sempre estão no vermelho e aí a globo tem sempre carta na manga pra negociar e pressionar.
    Qto ao time, com isso que está aí, faremos vergonha na série A. Para uma série A, nosso treinador é limitado e o elenco tb.

    Post a Reply
  8. Sobre a necessidade de volante. O santa Cruz poderia tentar um acordo com o CRB e trazer, por empréstimo, Olivio em troca de Renatinho ou Marcilio.

    Renatinho e Marcilio são improvisados como volantes, com o objetivo de melhorar o passe, mas essa não é a real posição dos dois, então não marcam bem e não acerta tantos passes como deveriam (isto para Renatinho). Pra Marcilio seria bom pois teria mais chances de jogar no CRB do que no Santa Cruz, e assim ganhar experiencia.

    Post a Reply
    • A melhor posição de Renatinhono Santa Cruz é sair do Santa Cruz. Uma placa de agradecimrnto pelos bons serviços, uma coca-cola e um pastel. Pronto. Tá bom.

      Post a Reply
  9. Ao contrário de alguns tricolores que deixaram seu comentário aqui no blog, estou sim muito preocupado com o desempenho do Santinha neste início de temporada, principalmente contra os grandes clubes, onde perdemos todas as partidas. Não tenho vocação para gangorra, para me contentar com o sobe e desce de divisão, devemos sim pressionar a nossa diretoria para qualificar o time imediatamente, dispensando jogadores que não servem para disputar nem a copa do nordeste, que dirá a 1ª divisão.

    Post a Reply
  10. O santa não pode perder a oportunidade de com um presidente de verdade, disputar a série para permanecer e se estruturar. Esse time não vai dar conta, pois quase não deu para série B. Na verdade, teríamos feito uma campanha para meio de tabela, não fosse a coincidência de jogos fáceis, com a superação do grupo que jogou além do seu limite os jogos finais.
    Só que isso não vai se repetir na série A, u alguém acha que esse time venceria seis partidas seguidas na primeira divisão? Infelizmente, a diretoria gastou a pouca munição com a renovação de todo o time do ano passado e os poucos reforços que trouxe são do mesmo nível do que já estava aí.
    Quanto a Raniel, tenho a impressão de que ele quer ser emprestado e tá forçando a barra pra isso.

    Post a Reply
  11. Sobre as novas contratações: vi alguns videos de Leonardo e Leandrinho (dupla caipira?): o primeiro me deixou uma boa impressão por ser felox e não jogar rifando a bola, já o segundo, foi difícil achar vídeos recentes e só fez 24 gols em 8 anos.

    Vou a futebol há muitos anos, e acredito entender um pouco do assunto. Não concebo a contratação de “apostas” importadas , se deveriamos apostar nos jogadores da base. Nada contra Pedro Botelho, Ítalo, e outros, mas sou muito mais a favor de William da Luz,

    Gerrá, passar gelol nos ovos é muita sacanagem! Kkkkk

    Post a Reply
  12. Tem torcedor se enganando,com dívida de gratidão com MM.Tem que por pressão nele sim!Quando faltarem dez jogos e fazendo as contas vai ser tarde.Tem que mudar muita coisa ou o fracasso é certo,renovar com amigo$ de empresário não dá MM.

    Post a Reply
  13. A realidade financeira do Santa Cruz, infelizmente, ainda é de fazer apostas e barriga de aluguel dos times mais financeiramente privilegiados do centro sul.
    Até times que recebem uma mesada muito maior a tempos como a Coisa e Bahia fazem isso imagina o Santa Cruz que até pouquíssimo tempo tava no buraco negro.

    Não vamos esquecer que João Paulo veio totalmente como uma aposta e tá aí sendo o diferencial.

    O grande problema que pra cada João Paulo que chega vem trocentos Moises, leo velosos, Emerson santos,….

    Post a Reply
  14. Tem mau que vem pra bem. O Nordestão e Bodão são laboratório, com esse time estaria-mos brigando pela lanterna da serie A. Se o time tivesse ganhado todas estaria nos iludindo. Confio na nossa diretoria. Esta
    tudo ainda no começo, Ainda não é motivo para desespero.

    Post a Reply
  15. Alguém sabe informar se o Clube está negociando com o EI. Pois, se entrar nessa de ter medo de retaliação da RGT vai se ferrar. Alguém lembra que o Clube deixou passar o Clube dos 13 quando de sua fundação por “medo de retaliação” da CBF…e outra, quando foi que a RGT apoiou o Clube? Lembram quando ela pagava por fora aos nossos adversários para que não fossem transmitidos os jogos do Santa fora do Arruda pelas TVs Jornal e Universitária. O momento chegou.

    Post a Reply
  16. Só agora estou me recuperando da ressaca da derrota.
    MM realmente kgou tudo.
    Escalou errado, não mexeu errado e, o pior a meu ver, não reconheceu nem que o time teve uma postura errada.
    Muito bem lembrados os jogos contra o Fortaleza pelo Nordestão e o jogo contra o mesmo Sgoto em 2014, desta feita com Vica. Bunda na parede contra o Scória vai dar sempre nisso. O pior foi o sentimento de que tínhamos a vitória totalmente em nossas mãos…
    Raniel, como muito bem falou Gerrá, tá achando que tá jogando pelada. Não solta a bola nem que Jesus Cristo, devidamente escalado e vestindo o manto sagrado, desça envolto numa nuvem ao lado dele. Que é que é isso rapaz??? Fora sua falta de compromisso nas recuperações. Quem disse aí por cima que ele está fazendo de propósito para ir para outro clube pode até estar certo, mas aí meu bróder, eu acho que ele seria um jogador muito pior do que simplesmente um mal jogador. Está jogando na posição errada? Tudo bem, não precisa arrebentar, mas solta essa pôrra dessa bola!
    Renatinho jogou sua pior partida desde que entrou no Santa Cruz, apesar de eu não concordar com certas perseguições individuais e, principalmente, achaques pessoais. Mas desta vez ele realmente não deveria nem ter composto o banco de reservas.
    Danny Morais pareceu uma tartaruga preguiçosa, correndo atrás do cara que entrava de forma extremamente solta e perigosa e deu no que deu. Alguém creditou os dois gols ao Vítor mas, no segundo, o crédito é todo dele.
    Tiago Costa realmente não está dando nem pra remendo.
    Allan Vieira, a meu ver, marcou muito bem, apesar de certa afobação.
    Wallysson é, como já foi dito antes por aqui, bem melhor e menos irregular que Luisinho.
    Mas, apesar de todo o azedume com esta derrota (que teve gosto, e dos bons, de derrota mesmo), estou com os companheiros que ainda não estão desesperados nem ainda estou pedindo cabeça de treinador.
    E como diz o grande Arnildo que, aliás, deve estar mais ressacado do que eu pois ainda não apareceu…
    É o que penso.

    Post a Reply
  17. Pessoal, vamos cair na real: NÃO TEMOS patrocínio da Caixa e NEM de qualquer outro patrocinador (nem master nem nada) NÂO temos o dinheiro da televisão (que é pouco e só vai começar a pingar mais pra frente) e NÂO temos negociação com tv fechada para 2019 ainda (que “poderia” gerar alguma luva).

    ENTÂO temos que fazer como sempre, apoiar e tentar melhorar com o que temos por enquanto.

    Vamos para o jogo, que é uma das poucas formas que temos para contribuir.

    Já comprei meu ingresso e sou sócio em dia.

    Post a Reply
    • … ah e NEM temos Dryword ainda. Só lá para Série A, SE vier e SE for um contrato bom.

      Vamos ajudar como sempre fizemos e parar de reclamar. É O QUE TEMOS PARA HOJE.

      Post a Reply
  18. O problema é gastar com jogadores reconhecidamente fracos,esquemas mirabolantes e tudo mais.Com pouco dinheiro se gasta melhor então,MM tem que conhecer o adversário e seu time também.Por mim não muda de treinador,muda a atitude,senão tchau pra o louro.

    Post a Reply
  19. O problema é gastar com jogadores reconhecidamente fracos,esquemas mirabolantes e tudo mais.Com pouco dinheiro se gasta melhor então,MM tem que conhecer o adversário e seu time também.Por mim não muda de treinador,muda a atitude,senão tchau pra o louro.

    Post a Reply
  20. Começando a achar que renovar com 90% do time titular foi um erro ! Gratidão no futebol não existe ! O que existe é competência

    Post a Reply
  21. O Naufrago também nao tem a Caixa nem a Tv, no entanto fez boas contrataçoes!!!!

    Post a Reply
    • O náufrago tem o $ da arena garantido e um ct moderno bancado pelo governo.

      Post a Reply
      • manteve a base (tal qual o Santa) e a melhor contratação deles Rodrigo Souza ainda é fruto da venda de jogadores para o cruzeiro (fruto do ct).

        Post a Reply
  22. O cara ser Banco de Vitor e danos morais e melhor arrumar outra profissão. raniel e bom imprestar para um América da vida para ver se acorda com aquele futebolzinho apresentado deu pena

    Post a Reply
  23. Só temos cinco jogadores qualidade o resto e japonês

    1 Tiago Cardoso
    2 João Paulo
    3 grafite
    4 Walison
    5 Alan vieira

    Post a Reply
    • Exatamente. O resto é banco ou rua.

      Post a Reply
  24. Jogamos 6 jogos 3 com times pequenos 3 com times grandes ai tá o resultado

    Confiança 0x0 santa c.
    Santa Cruz 4×2 América
    Santa cruz1x1salgueiro

    Santa cruz 0x1 bahia
    Náutico 2×0 Santa Cruz
    Sport 2×1 Santa cruz

    Post a Reply
    • O jogo do Confiança foi 2 a 0

      Post a Reply
  25. É Flórida. O Flamídia empresta douglas Baggio pro Luverdense, mas não empresta pro Santa.

    Lembrando que esse garoto só saiu do Santa quando o mafioso do Raimundo Queiroz (executivo de futebol da época) resolveu por conta própria acabar com as divisões de base de Santa. Nessa geração jogada fora foram Otávio (ex Inter e atual Portugal), Douglas Baggio Fla e Rômulo Bahia.

    Post a Reply
    • Raimundo Queiroz foi, a meu ver, o capítulo mais triste, senão jocoso, das nossas desesperadas tentativas extra campo para sair do inferno da série D.
      Ui! Nem gostei de lembrar desse nome.

      Post a Reply
  26. Estamos numa Encruzilhada de pensamentos. Uns já estouraram a cabeça, outros ainda não.

    O que a turma de fato está reclamando é o fraco futebol do time, pra capacidade que ele pode render.

    Não temos um Barcelona, mas temos jogadores no elenco que tranquilamente teriam ganho de Bahia, Barbie e Sgoto.

    MM está engessando o time com um esquema só, escalando mal. Como diz o post: Tá Lasca!

    E vocês escribas tão lasca também!!!

    Cadê a contratação bomba do Blog? Vai jogar em que posição? Meia? Ataque?

    Inácio tá melando a negociação?

    Saudações Corais.

    Post a Reply
  27. Martelotti tem que chamado à responsabilidade. Ele está achando que ainda está em tempo de fazer experiências, como jogar com um volante só. Isso deu certo na série B por obra do espírito santo, mas estamos vendo que a fórmula não está dando certo, pois ficou manjada.
    Outra, só temos três jogadores que tem realmente condições de jogar uma série A: Tiago Cardoso, João Paulo e Grafite. O resto é banco ou rua.

    Post a Reply
    • Só aprende na pressão.

      Post a Reply
  28. Os jogadores do Santa que estão sendo questionados, são fracos, mas já renderam mais ano passado, contra adversários de mesmo nível. É ainda mais preocupante se pensarmos que o nível da série A é MUITO maior do que estamos enfrentando agora.

    Na minha visão o Santa Cruz tem alguns pontos bons: tem um goleiro confiável, um lateral esquerdo que pode crescer, um primeiro volante que marca bem e se melhorar a saída e bola é titular do time, além das opções ofensivas(João Paulo, Grafite e Wallyson) que tem nível técnico acima dos demais e capacidade de jogar uma série A.

    Na minha visão o grande problema atual do Santa é de ordem tática, é verdade que falta qualidade em algumas posições do time, mas isso não deveria ser problema no primeiro semestre porque nossos adversários(incluindo os rivais) também não são qualificados tecnicamente.
    O Santa tem problemas em duas partes importantes do time, a saída de bola e a marcação como um todo.

    O time não sabe sair jogando com a bola, qualquer dificuldade mínima e saí um chutão para frente na esperança que Grafite ganhe a bola por cima, isso é muito pouco! João Paulo resolveu esse problema parcialmente ano passado porque recuou para melhorar essa saída, mas esse ano com Daniel Costa muito mal bastava anular o João Paulo e o time morria. Como eu falei antes com esse chutão acaba qualquer organização ofensiva do time, como João Paulo ou Wallyson(ou Raniel se jogar pelo meio, e se realmente quiser jogar em vez de enrolar), vão criar jogadas ofensivas se recebem toda hora um tijolo para tentar alguma coisa. É só observarem nossos rivais, eles tem volantes que fazem uma saída de jogo para os meias criarem algo.

    Falando do outro problema, a marcação. O Santa vem apresentando uma marcação tão falha nesse início de ano que me pergunto se o time já realizou algum treino de marcação esse ano. O time está todo espaçado e dando vacilos inexplicáveis, isso tudo estoura na zaga, que convenhamos, desde ano passado era o ponto fraco do time e esse ano só piorou. A prova disso é que time estava sendo dominado pelo confiança no jogo lá em Sergipe, e bastou uma organização defensiva MÍNIMA no segundo tempo para o time ganhar o jogo.

    Não dá pra entender o que se passa na cabeça de Martelotte, talvez ele ache que tomando decisões erradas e perdendo jogos importantes vá servir de experiencia para o time, eu não acho que seja assim. Derrotas só servem quando o time está claramente melhorando e estão sendo passageiras até o time se acertar em definitivo, do contrário vai criar nesse time apenas uma cultura perdedora, algo que só vai nos dar dor de cabeça no futuro.

    Existe a opção de recuar João Paulo para segundo volante e colocar Raniel como meia, ou pode-se arrumar alguém que possa fazer esse papel de segundo volante, não sei quem pode fazer isso, Renatinho com certeza não, ele só pode jogar se for na vaga de Lelê, até agora ele não fez nenhum bom jogo como segundo volante. E nada disso vai adiantar se o time como todo mudar a postura.

    Post a Reply
    • Temos um dos melhores segundo volantes do Brasil (João Paulo), mas não temos meias armadores de qualidade. A solução é mudar o esquema tático.

      Jogar no 4-4-2 Tira Lelê e coloca Raniel no meio com João Paulo, no ataque Grafite e Walison

      Para o próximo jogo como não teremos Wellington Cesar e Dedé e outros que estão com CK alto, o time ficaria assim:

      Thiago Cardoso, Victor, Alemão, Dany Moraes(Leonardo) e Allan Vieira (Tiago Costa); Lucas, João Paulo, Raniel e Marcilio (Leandro); Grafite (Bruno Moraes) e Walison (Keno)

      Post a Reply
      • Gostaria de ver o Santa fazendo pelo menos um teste no 4-4-2, poderia variar para um 4-4-1-1, na hora de marcar fazendo duas linha de 4 juntas, ou 4-3-1-2, com João Paulo como um terceiro volante e Raniel como esse único meia.

        Post a Reply
    • Muito ponderado. Só discordo de Raniel como meia.
      Como? Se o moço não solta a bola?

      Post a Reply
      • Sobre Raniel, é uma deficiência do jogador que precisa ser trabalhada caso ele queira realmente construir uma carreira no futebol. Agora, ele precisa ter essa chance de jogar na meia, no ano passado ele foi uma das poucas peças de qualidade no time do Santa durante o pernambucano, não é possível que ele tenha desaprendido.

        O que eu não entendo é Martelotte fica criticando e apontando falhas no jogador em vez de dar chances a ele, jogadores que merecem até mais criticas(Lelê, Danny Morais, etc) ele nunca fala nada. E outro ponto é a displicência do jogador, que alguns apontaram no ultimo clássico, aí o problema deixa de ser Martelotte e passa a ser a falta de compromisso do jogador.

        Post a Reply
        • MM quer justificar a saída dele,o Cruzeiro quer.Assim a torcida não fica cm raiva quando Raniel sair 0800 ou por uma (falsa) merreca.prática antiga.

          Post a Reply
  29. Espero que Martelote não escale ninguém improvisado, espero que o Santa Cruz jogue melhor, com mais garra, mais amor à camisa e vença o Juazeirense. Vamos ao Arruda Família Tricolor, vamos apoiar o Mais Querido. Precisamos de um goleiro que pegue pênalti.

    Post a Reply
  30. E o santa parece que vai jogar cheio de desfalques.
    Inclusive parece que com Renatinho mantido como volante!!!

    Minha esperança que o Juazeirense que já não tá esse esquadrão todo vem também com uns 5 desfalques!

    O curioso é que Marteloti aparece na imprensa dizendo que não pode se apressar e contratar “qualquer um”!

    Mas pelo que eu vejo no ELENCO do time, já tamoss cheios de “qualquer um’ inclusive que foram contratados nessa temporada!

    Post a Reply
    • Renatinho em campo é começar com 10,5 jogadores” Manter Lelê, rezuz para 9,5 jogadores.
      E pra encerrar a conta: Victor e Danny Morais reduz para 7,5 jogadores.

      Por isso que João Paulo tem que jogar por 3 ou 4 jogadores.

      Post a Reply
  31. Exatamente Eduardo.

    Não começamos o jogo com 11.

    Em jogos contra times fracos feito o de hoje, eu colocaria esse Lucas Ramon na LD pra ver se ele DE FATO presta ou não.

    Como frisaram acima, a minha opinião é de que temos 6 jogadores que podem jogar a série A: TC, Allan, W.César (com ressalvas), JP, Graffa e Wallyson.

    Nenhum time, inclusive os maiores, tem 11 grandes jogadores. Mas o que faz o time ficar no topo é ter o máximo possível de grandes jogadores, aliados a pelo menos 2 esquemas táticos bem assimilados.

    Os 6 citados acima são bons jogadores (talvez JP o único GRANDE jogador). Por isso a necessidade de termos mais 4 bons jogadores. Encararíamos bem uma série A se nossa escalação fosse:

    T.C
    NOVO LATERAL
    NOVO ZAGUEIRO (Alemão)
    Leonardo
    Allan

    W.César
    NOVO VOLANTE
    JP
    NOVO MEIA

    Wallyson (Keno)
    Grafite (B.Moraes)

    Esse é o time que vislumbro como possível financeiramente e melhor que podemos dispôr. Apenas mais 4 reforços, de bons jogadores, e aliados a um esquema tático bem feito, poderemos fazer uma boa campanha. No mais é torcer pra MM acertar e aceitar que está c.a.g.a.n.d.o, e tentar mudar.

    Saudações Corais.

    Post a Reply
    • O que faz também um time ficar no topo é ter fundamentalmente um elenco minimamente homogêneo onde os reservas NÃO são TÃO ABAIXO da média dos titulares.

      Como falam por aí e acho uma grade verdade:

      Time(titulares) bom ganha jogos agora um ELENCO bom ganha campeonatos!

      Post a Reply
    • Espero que Daniel Costa possa ser utilizado hoje. pra poder saber se ele teve a melhora física e técnica, pois é muito importante um jogador com as características dele no time para os jogos que virão.

      Post a Reply
    • Bruno, concordo com essa afirmação sobre ter time e ter elenco.

      Mas como não vamos entrar na série A para ganhar o campeonato (pelo menos esse ano e nos seguintes), me contento com um bom time para ganhar jogos (14 vitórias e uns 8 empates é suficiente).

      Saudações Corais.

      Post a Reply
  32. SE..COM..JOGADOR.TITULAR…ELE..INVENTA.E.IMPROVISA

    IMAGINA..COM..RESERVAS

    VAI..TER.GOLEIRO..JOGANDO..DE.LATERAL
    E..LATERAL..JOGANDO..MEIA

    Post a Reply
  33. O futebol de Daniel Costa não tem espaço numa serie A. queria que alguém me mostrasse um jogador que tenha a mesma lentidão e falta de pegada e explosão feito ele que foi titular e se destacou na Serie A!

    Qto a hj, eu meteria: thiago, lucas ramom, néris, leonardo e thiago costa; lucas, joão paulo e raniel; leandrinho, bruno moraes e keno.

    Post a Reply
  34. Na minha humilde opinião, quem daria jeito em Raniel era o velho Givanildo Oliveira.

    Post a Reply
  35. Eu corroboro com as palavras do Gerrá, não é fácil entender a falta de postura de atletas, técnicos e até dirigentes tem de tempos em tempos, eu acho que não levo jeito para nada que não seja torcedor, por que mais que isso não ia conseguir engolir esse tipo de coisa, em meio ao esforço dos que fazem o clube e dos torcedores que não deixam de ajudar nunca, ver um cara com frescura seria difícil me segurar realmente.

    Hoje o horário é foda, mas é ruim pra todo mundo e é o que temos, quem passou o que passamos acho tudo peixe pequeno, eu mesmo vou.

    Post a Reply
  36. Seria bom que a diretoria do Santa Cruz arrumasse um psicólogo para trabalhar o emocional dos jogadores. Quanto ao jogo em Caruaru, eu espero que o Mais Querido jogue melhor e vença a partida. Vamos ao Lacerdão Família Tricolor. Vamos apoiar o Tricolor pernambucano. O Santa precisa do nosso apoio.

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *