Esquentando os tamborins.

Gerrá estava na praia, na vida boa, e me pediu para escrever sobre o jogo do Santinha contra o América. Sama pediu para elogiar o time: “Dá uma instigada na torcida”. Eu estava me preparando para escrever quando li o comentário do amigo Flávio Tricolor de Gravatá. Disse tudo o que eu queria escrever – ipsis litteri.

Flávio escreveu: “A impressão foi muito boa da partida de ontem, a equipe se mostrou arrumada taticamente, ainda precisa melhorar é claro, mas me deixou animado. Ainda precisamos de reforços, principalmente para meia, hoje foi anunciado Patrick Vieira, espero que ajude apesar dos problemas com sucessivas lesões que sofreu nos últimos três anos. Não poderia deixar de elogiar três jogadores; o lateral direito Marcos Martins, mostrando que existe vida além de Vítor, bom no apoio e ótimo na marcação, o zagueiro Vitão, jogando bonito quando era para jogar bonito e dando chutão, quando era para dar chutão, além dos gols marcados, destaque para o primeiro que foi sensacional e por último elogiar o garoto Elias, pela personalidade e pelo gol de gente grande”.

Disse tudo. Mas ontem, o jogo contra o Flamengo foi truncado, feioso mesmo. Dois gols de pênalti. Só assim para Augusto fazer alguma coisa. Mas não dá para deixar de comentar o péssimo estado do gramado. A bola parecia quadrada.

O resultado não foi de todo mau. O Flamengo veio de uma grande vitória contra o Do Recife e jogar fora de casa tem lá o seu peso. Estou confiante no modo como Leston Júnior está montando nosso time.

O teste de fogo, o jogo em que veremos o alcance dessa equipe será, para esse início de temporada, no sábado contra o Bahia. Agora o negócio é outro, camaradas. Esquentem os tamborins que a parada é dura.

Além do mais, a torcida tricolor coral está ansiosa para retornar ao Arruda. Iniciaram o esquema de vendas de ingressos. Eu já estava pensando comigo como sempre faço: rever os amigos, tomar umas em Abílio e comer o melhor cachorro-quente do mundo.

Porém, meu amigo Juninho me mandou uma mensagem no zap que é desanimadora. É bem possível que o jogo seja transferido para a Arena. Esse esquema é velho e fode a torcida.

Possivelmente o gramado não está pronto porra nenhuma. Mas acredito que é preciso transparência por parte da presidência e da diretoria para informar aos torcedores onde realmente será o jogo.

Vender ingressos como se fosse para o Arruda e levar a galera para a Arena é sacanagem. Já estão negociando para que o jogo contra o Afogados seja também na Arena. Haja paciência.

Saudades do Arrudão. Tricolor coral santacruzense sabe que sua casa, seu lar, seu reduto é no Mundão do Arruda.

Author: Zeca

Zeca é professor doutor em Filosofia. O amor pelo Santa Cruz vem de berço. Aos cinco anos o pai já o levava ao Arruda. Escritor e poeta, tem diversos livros publicados. Escreve também no blog Ars Diluvian em que trata de arte, política e ciências humanas. É metaleiro e toca na banda Agelon de Brutal Death Metal. Mora na Boa Vista e sente muito orgulho de estar sempre perto do Pátio da Santa Cruz.

Share This Post On

31 Comments

  1. Eita, parece que é retaliação do bodinho pelas críticas do nosso técnico!

    Post a Reply
  2. Ouvi entrevista do bodinho. Que idiota prepotente. Depois de ouvir a análise muito boa do Leston, que soube separar a cidade do campo, disse que não respondia a treinador, nem se trocaria com ele. O reporter retrucou, dizendo o técnico estava certo. Ai veio dizer que a FPF fez uma vistoria a 90 dias, depois outra com 60, deixou dito o que tinha que ser feito e deu um voto de confiança ao clube e a Prefeita de Arcoverde e jogou a culpa neles. Ou seja, reconheceu que a FPF não vistoriou o campo para liberar, e com isso prejudicou o Santa. Agora vão vistoriar e interditar, beneficiando ou outros. Ou não. Não por acaso o futebol de pernambuco está na merda que está. Com um presidente de federação desses, um lambe botas dos ladrões diretores da CBF, não podia dar outra coisa.
    Pelo jeito o gramado do Arruda não tem condições. Passaram quase 6 meses sem jogos e não conseguiram arrumar. Vamos mandar os jogos na Arena, será?
    Sábado vamos ter uma ideia das verdadeiras condições da equipe, frente ao Bahia da série A. Espero que sejamos surpreendidos com um time arrumado e lutador. Vamos ver se nosso artilheiro, um zagueiro, volta a marcar, rsrs.

    Post a Reply
  3. Arruda reprovado pelo gramado e o gramado de Arcoverde liberado. Que os dirigentes do Santa Cruz lembrem desse evento quando da próxima eleição na FPF.

    Post a Reply
  4. A arena só foi boa para aqueles que ficaram ricos com ela.Lugar frio e esquisito parecido com uma quadra de tênis. Não assisto mais jogos lá. Se tiver gramado pior do que o de Arcoverde, certamente será um pântano.Dois pesos duas medidas. Força do Bahia e fraqueza do Santa.

    Post a Reply
  5. Eu pro jogo hoje, primeiro porque tô com uma saudade grande de ver o tricolor jogando num estádio.
    Mas o Santa deveria a partir desse episódio ser muito mais rigoroso na pressão da FPF liberar os campos espalhados pell nosso Estado!

    Post a Reply
  6. Bora Jô, é hoje!

    Post a Reply
  7. Rapaz fui ao jogo. Não costumo comentar sobre o time, mas vou fazer uma exceção.
    1. No primeiro tempo deu para ver que o jogador nº6 do Santa Cruz estava muito nervoso, ficava quase ao lado do Danny Morais, quando deveria marcar o n]98 do bahia. SÓ O TREINADOR DO SANTA CRUZ NÃO VIU. Detalhe no 1º tempo Leiton Jr. estava do mesmo lado que no nº 6 do S.C.
    2.Mas este nº6 tocou para Jô que tocou para Elias e o Santa Cruz empatou. É claro que eu comemorei.Jogada rara digna de aplauso
    3. A torcida do Santa Cruz, que ficou na Sombra, e o TREINADOR DO BAHIA TAMBÉM VIU QUE o nº era o ponto fraco do time, tanto é verdade que os 3 gols do bahia sairam do lado do misto de Buraco(o nº6 do SCFC) + avenida Jô.

    Não sei as opções do técnicos, mas demorou demais para substituir, ou seja, Leiton foi Lento.

    Mas valeu pela quantidade de mulher bonita e bem nutrida no estadio.

    Saudações Corais a Todos

    Post a Reply
    • Pega leve. Você está corretíssimo nas análises entretanto é muita análise pra pouco time. KKKKK.
      Entendeu ?????

      Post a Reply
      • Você está certo. Mas futebol também é estratégia e versatilidade. O técnico se comportou como um burocrata executando substituições padrões.(Todo jogo é fácil saber quem vai substituir e quem vai ser substituído). Qualquer um que pegar os jornais e ver os poucos jogos que o Santa Cruz fez percebe isso, inclusive os técnicos adversários aí fica fácil neutralizar o Santa Cruz. Você também tem razão sobre o campeonato que o Santa Cruz disputa dentro da copa NE. Só que também é chato ver times com estrutura e orçamento menores que o Santa, montando times melhores. Valeu

        Post a Reply
  8. Sairam os baianos cantando aquela velha gozação:

    É canja, é canja de galinha
    Arranja outro time
    Prá jogar com nossa linha.

    É o que temos. Um time muito inferior ao adversário, num dia que o técnico errou ao querer enfrentar o Bahia de igual para igual.

    Leston, bota na cabeça, somos um time de jogadores limitadíssimos, até esforçados, e que hoje tremeram.

    Dificilmente faremos alguma coisa no Nordestão. Estamos no pelotão de baixo, infelizmente.

    Pernambuco levou lapada do Ceará e agora da Bahia. Exatamente a situação em que estamos no Nordeste. Abaixo também de Alagoas. Isso é fruto do bodão e agora do bodinho na FPF, e de nossas ridículas diretorias.

    Post a Reply
  9. Este time e este técnico, com alguns pequenos erros, não tem culpa. A qualidade técnica foi o fator do jogo de hoje. Nosso campeonato começou com o Bota-PB, deu um pulo contra o Bahia e agora volta contra o ABC no próximo jogo. Isto é fato.

    Agora em relação à FPF o que dizer deste seboso ???

    Duvido que a Federação Baiana vetasse um jogo do Vitória lá no Barradão contra um rival daqui de Pernambuco.

    Post a Reply
    • O bodinho, como o bodão, são parte da diretoria da coisa na FPF. Desde que o bodao assumiu a coisa só fez ganhar e os outros perder. Ferrar Santa e Barbie é o objetivo, que nossos diretores aceitam.

      Post a Reply
  10. Minha análise,

    Nosso primeiro tempo foi equilibrado, ainda com as deficiências no lado esquerdo, onde surgiram a maioria das chances do Bahia.

    Ficou evidente a superioridade técnica do adversário que tem o maior aporte financeiro atualmente no NE. E se não fossem nossos erros no início do segundo tempo, talvez até tivéssemos um resultado melhor.

    Não achei Leston Jr burocrático, ele já deixou claro que pretende ajustar o time com base no entrosamento. E ao menos, vimos que uma das substituições deu certo, que foi a entrada do Silas, que pra mim já poderia assumir a vaga do inoperante Augusto.

    E outro detalhe, o terceiro gol foi falha tanto da defesa como do nosso goleiro, que poderia ter interceptado a bola antes de Gilberto twr concluído a jogada … No mais foi importante perder agora para que as fragilidades sejam melhor trabalhadas. Temos um time organizado em campo com um elenco comprometido e isso conta bastante.

    Abraço a todos.

    VIVA SANTINHA !!!!

    Post a Reply
  11. Concordo com o “Apenas mais um tricolor” e faço mais uns adendos:

    O camisa 6, Raphael Soares (que no ano passado era reserva do Operário, que esse ano contratou o Allan Vieira pro lugar, para os senhores terem Uma noção da ruindade) foi determinante para o resultado desse jogo. Falhou no primeiro gol, com um erro de marcação digno de uma pelada, deixando o jogador do Bahia livre, e assim desmontando a defesa. No terceiro, mais um erro infanfil, deixando o Artur livre pra finalizar, e em seguida a bola quica no gramado e sobra pro Gilberto empurrar pro gol. Um jogador de defesa não pode cometer erros tão infantis (sem falar quando ele subia pro ataque e deixava a defesa totalmente exposta), principalmente em jogos como esse, em que esses erros são fatais. Se for pra ficar na reserva do Bruno Ré, era melhor ter subido alguém da base pra dar rodagem, do que trazer de fora um lateral tão fraco.

    Contudo, o time como um todo jogou bem, dentro das suas limitações. Não faltou raça e vontade de vencer, e isso dá aquela esperança de que esse ano poderemos finalmente voltar a ser um time de guerreiros e voltar à Série B.

    Post a Reply
  12. Como alguém já falou: Ceará 3×1 PE e agora Bahia 3×1 PE. Ou seja, o futebol pernambucano apequenou-se. Só os profissionais do nosso futebol não percebem. Ou a federação e clubes acordam ou será vergonha atrás de vergonha.

    Post a Reply
  13. Nossos clássicos hoje são contra equipes da Paraíba e RGN. Estamos abaixo dos alagoanos. Somos superiores apenas a Piauí, Maranhão e Sergipe. Os cardeais do Santa Cruz sabem disso, mas são ilustres tricolores sem responsabilidades sobre nossa falência.

    Post a Reply
  14. Ainda triste pelo resultado de ontem. Mas seria no contexto atual o resultado mais coerente com a situação atual. E pelo menos no caso de ontem nem vejo tanta culpa assim na diretoria.
    Existem outros culpados antes dela que todos sabemos.

    Post a Reply
  15. Qual é a previsão de liberação do Arruda ????

    Jogar na Arena é o mesmo que jogar em Campo Neutro.

    Post a Reply
    • Puta merda, a barbie está tão fudida quanto nós.

      Post a Reply
      • Verdade. E acho que ainda mais mal arrumado pelo técnico. A coisa sobrou e se tivesse querido tinha enfiado uma goleada histórica. Jorge Henrique me deu a impressão de estar jogando como numa pelada de fim de semana como ex-craque: foi não foi enfiava uma bola de qualidade e só. A defesa estava tão ruim quanto a nossa ontem, batendo cabeça. E achou um golzinho no fim numa sequência de faltas sobre o goleiro. Vamos tirar a prova de quem é pior no nosso encontro no Nordestão.
        Quem parecia estar treinando a 2 meses era a coisa e não a barbie. Tristeza.

        Post a Reply
  16. No site do globo esporte o nosso treinador fala na dificuldade financeira do clube e os cuidados com contrações. Quem contratou Jô precisa dessa informação.

    Post a Reply
  17. Será que ainda não acordamos da atual má gestão?!
    1. Prometeu transparência desde a eleição, prometeu um site, onde tudo seria prestado contas, da quantidade de recursos, Folha de pessoal, etc. Mas nada.
    2. Arrecadação de sócios, patrocínio, timemania, e outras fontes.
    3. Processos e pendências judiciais, além das questões tributárias,e situações das leis de incentivos.
    4. Normas internas e diretrizes administrativas.
    5. Projetos, planejamento, gestão patrimonial e gestão social.
    Somente no final do ano diante da iniciativa isolada da Comissão Patrimonial e do Tricolores do CT da luta pela inauguração do primeiro campo do crédito.
    Por outro lado, foram prometidos:
    A) Novo site;
    B) Nova fachada da sede;
    C) Novo placar eletrônico;
    D) Nova campanha de sócios;
    E) Nova parceria de patrocínio com a Prefeitura do Recife mediante uso do espaço com projeto de desportos de crianças, recebendo parte em verba e outra com abatimento no ISS/IPTU.
    F) Reforma estatutária.
    Somente tivemos lampejos de transparência devido à deflagração da nova campanha de sócios, à reboque da campanha vitoriosa de sócios do Náutico.
    Salvem o Santa!!!

    Post a Reply
  18. Pelo menos os outros jogos da copa do nordeste foram empates. A diferença para os da frente é pequena, mas se não vencermos o ABC, ACENDE O ALERTA.

    Post a Reply
  19. Ouvi há pouco um debate esportivo e as palavras de um dirigente do Afogados da Ingazeira. Perguntado sobre a folha do plantel, comissão técnica mais jogadores, falou em R$ 70 mil! E que apesar dessa limitação está fazendo um trabalho sério de profissionalização do clube e aspirando alcançar novos patamares. Este valor, suponho, deve remunerar cerca de 30 (trinta) profissionais do futebol, pelo que fiquei visualizando que o futebol brasileiro reproduz a enorme diferenciação de renda do país, com toda sua perversidade. Considerando que o Afogados está fazendo um trabalho sério há 5 anos, imaginei da luta desses profissionais e jogadores em busca de um lugar ao sol, e da força que lhes motiva nessa luta de desiguais, quando se vê clubes do centro sul com verbas milionárias endividados. É um verdadeiro fenômeno que essa brutal desigualdade no futebol ainda não tenha reduzido o numero de clubes drasticamente no país. Só mesmo o amor e paixão pode explicar isso.

    Post a Reply
  20. CARO GENIVALDO, CONCORDO COM SUA AVALIAÇÃO.

    NO ENTANTO, A SOBREVIVÊNCIA DE MUITOS CLUBES (NÃO ESTOU ME REFERINDO AOS CLUBES DO INTERIOR), SE DEVE, ALÉM DA PAIXÃO DE SEUS TORCEDORES, A UM AMBIENTE DE MÁ GESTÃO ENVOLTO EM DÍVIDAS TRIBUTARIAS E TRABALHISTAS MILIONÁRIAS QUE RECEBE UM “TRATAMENTO” CONIVENTE POR PARTE DA SOCIEDADE E DAS AUTORIDADES.

    CASO OS CLUBES DE FUTEBOL TIVESSEM O TRATAMENTO DISPENSADO AS “EMPRESAS” TODOS ESTARIAM FALIDOS E DE PORTAS FECHADAS.

    Post a Reply
  21. Nosso início de ano tanto administrativamente, quanto dentro das quatro linhas tem me deixado animado:

    No âmbito administrativo, ainda precisamos melhor muito, mas enxergamos um pouco mais de transparência, conseguimos nosso CT, troca do desgastado gramado do Arruda e o reflexo disso já aparece, o número de sócios em dia cresceu de forma animadora;

    Dentro de campo sei que perder nunca é bom, mas nossa batalha e meta principal para 2019 não é enfrentar equipes como a do Bahia, Fortaleza, etc. Nosso campeonato vai ser contra equipes da série C, temos que conseguir esse acesso a todo custo e hoje enxergo nossa equipe, mesmo precisando de reforços pontuais (que só devem chegar após os estaduais), apresentando um padrão de jogo e dá para ver que temos jogadores que vão nos ajudar muito.

    Comentando um pouco sobre o jogo contra o Bahia, concordo com os amigos que comentaram antes e friso ainda que jogamos contra uma forte equipe sem um meia de armação e um homem de área, isso pesa demais.

    Para encerrar eu digo que o botão “ilusão 2019” foi pressionado e como muitos estou na esperança de que o nosso Santa Cruz neste ano consiga as metas dentro de campo e siga o caminho da modernização fora dele.

    Andar com fé eu vou, a fé não costuma falhar.

    Post a Reply
    • Perfeito Flávio !

      Quem puder ser sócio, associe-se.

      Quem puder ajudar na construção do CT, que ajude através do Tricolores do CT.

      Vamos Santa !!!

      Post a Reply
  22. Pelo pouco tempo tive a impressão de que o garoto silas ê infinitamente melhor que a grande contratação Jô.

    Post a Reply
    • Sem dúvidas meu amigo.

      Post a Reply
  23. Gostei do jogo. Fora a bobeira do gol sofrido, uma desatenção geral, o time se houve bem e Elias e o Marcos Martins estão demonstrando qualidade, além da aplicação e esforço de todos. O lateral esquerdo Rafael começou muito mal, depois melhorou um pouco, mas foi talvez o mais fraco na partida.
    Gostei também da entrevista do Leston, e destaca-se entre os que entraram o Silas e o Potiguar, este último prata da casa.
    O importante é manter o equilíbrio em campo e financeiramente fora de campo.
    Sábado temos um jogo importante no Nordestão, com adversário no mesmo nível, pelo que temos que ganhar.
    Vamos em frente!

    Post a Reply
  24. A defesa se mostrou confusa e desentrosada nas bolas aéreas.
    O melhor do jogo: O espírito coletivo de querer ganhar bem, todos empenhados.
    O pior do do jogo: A narração de Rembrant Junior, o mesmo babaca de sempre, secando o tricolor, querendo apitar o jogo. O goleiro do Afogados caiu do nada, quando o jogo estava empatado, tipica e manjada cera. O donzelo do Rembrant disse: “A preocupação agora é com o goleiro que está sentindo…”

    Post a Reply

Deixe uma resposta para Genivaldo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *